»::Tutorial de HTML::«
[ pag 1 ] [ pag 2 ] [ pag 3 ] [ pag 4 ]

:: 1 . Introdução ::


Trabalhar com código html é bem simples. É mais simples ainda quando se sabe o que é e como funciona.

O que é HTML:
É HyperText Markup Language (linguagem de marcação de texto). Isso significa que tudo que você precisa fazer é apenas marcar o texto com a formatação que você quer que ele apareça para o visitante, marcar onde começa o quê e onde termina o quê. É a linguagem usada para criar páginas para a internet. Você pode ver o código de qualquer página na web usando o menu Exibir - Código Fonte. Tente ver o código desta página. ^^

Os arquivos HTML têm extensão .html ou .htm, quer dizer, quando você escrever uma pagina deverá salva-la como minha_pagina.html, por exemplo. Você pode começar a escrever seus códigos em qualquer editor de texto (o bloco de notas por exemplo), mas deve salvar os códigos como nome_da_página.html sempre.

Esta é uma regra que serve para que o computador saiba como abrir o arquivo. Com esta extensão, o computador abrirá na janela do navegador (Internet Explorer, Mozilla FireFox..) e mostrará a página. Se não salvar com esta extensão, os códigos não vão funcionar e você verá uma página de texto cheia de códigos parecida como abaixo..

<html>
<head>
<title>Página de Exemplo</title>
</head>
<body bgcolor="#ff0033">
<font color=#ffffff size=2 face="comic sans ms"><b>texto ....
Mas não se assuste com esses códigos. De ínicio pode parecer complicado mas não é.

Para que usar códigos:
Você abre o navegador e digita algum endereço. Para abrir a página, o navegador lê e interpreta os códigos. Se você tenta abrir algum arquivo que não seja html, php, asp, ou outra linguagem de internet (por exemplo: imagens, musicas, arquivos de texto..) o navegador faz um download de arquivo. Isso pode ser visto em páginas que primeiro abrem o texto, as cores, as tabelas, e depois, um pouco mais devegar vai abrindo imagens e musicas.. Isso contece por que musicas e imagens são mais "pesados" que códigos. Para o computador é mais fácil interpretar um código e formar a página enquanto a abre, do que baixar a página pronta.
É por isso que páginas são criadas como códigos: para serem acessadas mais facilmente.